Funchal (Santa Luzia)

• Distrito de Aveiro • Distrito de Beja • Distrito de Braga • Distrito de Bragança • Distrito de Castelo Branco •
Distrito de Coimbra • Distrito de Évora • Distrito de Faro • Distrito da Guarda • Distrito de Leiria • Distrito de Lisboa •
• Distrito de Portalegre • Distrito do Porto • Distrito de Santarém • Distrito de Setúbal • Distrito de Viana do Castelo •
• Distrito de Vila Real • Distrito de Viseu • Região Autónoma dos Açores • Região Autónoma da Madeira •



Orago - Santa Luzia  Área - 1,4 Km2

Ordenação heráldica do brasão e bandeira
Segundo o parecer da Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses de 21/06/1999
Estabelecida em reunião de Assembleia de Freguesia, em 27/04/2000
Publicada no Diário da República, III Série de 28/06/2000
Registado na Direcção Geral de Autarquias Locais, com o Nº 190/2000, em 17/07/2000

Armas - Escudo equipolado de azul e ouro com os pontos de azul carregados de duas faixetas ondadas de prata, os de ouro do chefe e da ponta carregados de uma folha de plátano verde e os dos flancos com uma roda de azenha de vermelho, com pregaria do campo. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco com a legenda a negro, em maiúsculas : “ FUNCHAL – SANTA LUZIA “.

Brasão da freguesia de Santa Luzia



Simbologia

Os pontos de azul carregados de faixetas ondadas de prata - Representam a Ribeira de Santa Luzia, curso de água que tomou tal designação após construção de uma pequena ermida daquela evocação, levantada na sua margem esquerda, já referenciada em 1471. Representam também a ancestral levada de Santa Luzia, importante canal de irrigação que atravessa parcialmente o território da freguesia, a qual, rasgada ainda no século XV a partir da mencionada ribeira, fertilizava os extensos canaviais ali existentes.
Os pontos de ouro carregados com uma roda de azenha - Evocam a memória dos antigos engenhos de moer cana-de-açúcar que se erguiam ao longo da Ribeira de Santa Luzia, o mais remoto dos quais e o primeiro levantado no solo insular foi mandado construir em 1452 por Diogo Teive, escudeiro da casa do Infante D. Henrique, Senhor da Ilha da Madeira.
Os pontos de ouro carregados de uma folha de plátano -
Simbolizam a antiga rua da Princesa que, percorrendo a margem esquerda da ribeira de Santa Luzia, foi plantada com frondosos plátanos em 1828, circunstância que constituiu, na época, uma autêntica inovação no tecido urbano. Popularmente designada por rua das Árvores, esta formosa artéria citadina era considerado um dos ex-libris da freguesia de Santa Luzia.



Bandeira - De amarelo, cordões e borlas de ouro e azul. Haste e lança de ouro.

Bandeira da freguesia de Santa Luzia                         Estandarte da freguesia de Santa Luzia

Bandeira para hastear (2x3)                                                                       Estandarte (1m x 1m)

Informação gentilmente cedida pela Junta de Freguesia de Santa Luzia

 



• Funchal (Santa Luzia) • Funchal (Santa Maria Maior) • Funchal (São Pedro) • Funchal (Sé) •
• Imaculado Coração de Maria • Monte • Santo António • São Gonçalo • São Martinho • São Roque •



• Município da Calheta • Município de Câmara de Lobos • Município do Funchal • Município de Machico •
• Município de Ponta do Sol • Município de Porto Moniz • Município de Porto Santo • Município de Ribeira Brava •
• Município de Santa Cruz • Município de Santana • Município de São Vicente •



Heráldica História e Legislação • Index • Heráldica Autárquica • Portugal • A - Z • Novidades • Contacto • Ligações •
• 
Ultramar Português •
Miniaturas (Municípios) Miniaturas (Freguesias) Miniaturas (Ultramar)

Página actualizada em 11-03-2021                                                                                         Page updated on  11-03-2021