Coja

• Distrito de Aveiro • Distrito de Beja • Distrito de Braga • Distrito de Bragança • Distrito de Castelo Branco •
Distrito de Coimbra • Distrito de Évora • Distrito de Faro • Distrito da Guarda • Distrito de Leiria • Distrito de Lisboa •
• Distrito de Portalegre • Distrito do Porto • Distrito de Santarém • Distrito de Setúbal • Distrito de Viana do Castelo •
• Distrito de Vila Real • Distrito de Viseu • Região Autónoma dos Açores • Região Autónoma da Madeira •



Orago - São Miguel  Área - 20,63 Km2

Ordenação heráldica do brasão e bandeira
Segundo o parecer da Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses de 08/10/2003
Estabelecida em reunião de Assembleia de Freguesia, em 29/04/1994
Publicada no Diário da República, III Série de 09/01/2004
Registado na Direcção Geral de Autarquias Locais, com o Nº
007/2004, em 15/01/2004

Armas - Escudo de verde, um pelourinho de prata acompanhado à dextra por uma estrela de cinco pontas contida num crescente com as pontas viradas para cima e, à sinistra, por duas chaves passadas em aspa, com os palhetões para cima, tudo de ouro; ponta diminuta de burelas ondadas de prata e azul e assente nela uma ponte de três arcos de prata, movente dos flancos. Coroa mural de prata de quatro torres. Listel branco, com a legenda a negro: “ COJA “.

Brasão da freguesia de Coja



Simbologia

As chaves - Atestam a fidelidade do castelão de Coja a D. Sancho II nas lutas que este travou com D. Afonso III (seu irmão) e que resultariam no arrasamento do Castelo.
O pelourinho - Atesta a importância administrativa que Coja possuía enquanto concelho; O Pelourinho de Coja é um monumento manuelino, erguido durante o reinado de D. Manuel I, nomeadamente no ano de 1514, data do segundo foral de Coja e é um dos mais importantes monumentos da vila.
O crescente e a estrela - Encontra-se no brasão por ser um dos elementos simbólicos de um dos selos de tipo iconográfico de D. Egas Fafes, reconstrutor de Coja e a quem se deve a atribuição do seu primeiro foral, em 12 de Setembro de 1260.
A ponte -
Para além de ex-libris da vila, lembra a sua função como meio de ligação entre Coja e outras regiões, e ainda a sua importância na defesa da vila aquando das invasões francesas.
As faixetas onduladas - Representam a exploração aurífera do rio Alva, um dos motivos que teria atraído a fixação das populações e a importância dos dois cursos de água que banham a vila, o Alva e a ribeira da Mata.



Bandeira - Esquartelada de amarelo e verde. Cordão e borlas de ouro e verde. Haste e lança de ouro.

Bandeira da freguesia de Coja                         Estandarte da freguesia de Coja

Bandeira para hastear (2x3)                                                                       Estandarte (1m x 1m)

 



• Barril de Alva • Coja •



• Arganil • Benfeita • Celavisa • Cepos e Teixeira • Cerdeira e Moura da Serra • Côja e Barril de Alva • Folques •
• Piódão • Pomares • Pombeiro da Beira • São Martinho da Cortiça • Sarzedo • Secarias •
• Vila Cova de Alva e Anceriz •



• Município de Arganil • Município de Cantanhede • Município de Coimbra • Município de Condeixa-a-Nova •
• Município da Figueira da Foz • Município de Góis • Município da Lousã • Município de Mira •
• Município de Miranda do Corvo • Município de Montemor-o-Velho • Município de Oliveira do Hospital •
Município de Pampilhosa da Serra • Município de Penacova • Município de Penela • Município de Soure •
• Município de Tábua • Município de Vila Nova de Poiares •



Heráldica História e Legislação • Index • Heráldica Autárquica • Portugal • A - Z • Novidades • Contacto • Ligações •
• 
Ultramar Português •
Miniaturas (Municípios) Miniaturas (Freguesias) Miniaturas (Ultramar)

Página actualizada em 12-03-2021                                                                                         Page updated on  12-03-2021